quinta-feira, 21 de maio de 2009

Surto de assaltos e roubos em Criciúma

Por Vanessa Amando

Diversos casos de assalto e roubo de carros, estabelecimentos e pessoas têm sido registrados em Criciúma nos últimos meses. Os infratores podem ser crianças, adolescentes ou adultos e, na maioria das vezes, eles estão armados, o que causa um medo ainda maior nas vítimas.

Antes essa incidência de assaltos era “coisa” da periferia, havia mais perigo durante a noite e/ou em lugares afastados. Agora isso mudou. Assaltos à mão armada em plena luz do dia, bem no Centro da cidade, estão se tornando cada vez mais comuns em Criciúma, causando prejuízos materiais e psicológicos.

Recentemente, um posto do Correio e um supermercado foram roubados no final da tarde, ambos pelo mesmo bandido. Alguns deles agem sozinhos e a pé ou em dupla com moto, como no assalto a uma padaria no bairro São Francisco. Já no bairro Milanesi, um morador teve seu carro roubado assim que chegava ao portão de casa. Em frente à Satc, alunos são ameaçados e têm seus bonés e objetos pessoais roubados por adolescentes infratores. São inúmeros casos registrados e que deixam a população assustada, mas, ao mesmo tempo, atentas para os possíveis suspeitos.

Então, onde está o problema e qual é a solução? Isso deve ser resolvido logo, pois a segurança pública está falhando e permitindo que mais pessoas inocentes sejam vítimas de ladrões todos os dias na cidade.