sexta-feira, 3 de abril de 2009

Factorings vão à Polícia Civil apurar fraude milionária

Por Denis Luciano

O sindicato que representa as empresas de factorings na região foi à Polícia Civil na manhã de hoje. Segundo a Rádio Eldorado, o delegado Ulisses Gabriel convocou uma reunião para esclarecer o andamento das investigações sobre denúncias de fraudes surgidas na semana passada.

Em entrevista à emissora nesta sexta-feira, o policial afirmou que o empresário Alexandre Zonta, acusado de ser o autor da fraude, está sendo procurado para prestar depoimento. Caso não se apresente em breve, Zonta terá decretada contra si uma prisão preventiva. "Se as acusações se confirmarem, ele pode ser detido por até cinquenta anos, conforme a quantidade de estelionatos apurados", informou o delegado.

O golpe, que pode ter alcançado quase R$ 20 milhões, foi denunciado no último dia 25 em reportagem do jornal A Tribuna.